sábado, 21 de janeiro de 2012

"O Segredo da Casa de Riverton" (Kate Morton): OPINIÃO!

A minha estreia com a autora Kate Morton não podia ter sido melhor! E agora, como é óbvio, ficou a vontade de ler "O Jardim dos Segredos! que já tenho casa em casa.

Parti para esta leitura tendo em mente a morte de uma personagem tal como é mencionado na sinopse. Contudo, é só a chegar ao final do livro que este acontecimento nos é apresentado.

Pela voz de Grace - antiga empregada da Casa de Riverton - Kate Morton leva-nos para inícios do século XX fazendo um retrato da época de forma brilhante.

Grace era uma jovem adolescente quando foi trabalhar como empregada na Casa de Riverton. Foi aí que conheceu as irmãs Hannah e Emmeline Hartford, netas dos patrões de Grace.

Quase imediatamente Grace fica fascinada pelas irmãs Hartford e, ao longo dos anos que as vai servir, irá criar uma amizade particular com Hannah.

Quando era empregada da Casa de Riverton, Grace viveu o trágico acontecimento da morte do jovem poeta Teddy Hunter - amigo das irmãs Hartford.

Agora com noventa e oito anos de idade, Grace vai receber a visita de uma jovem realizadora que pretende fazer um filme sobre a morte do poeta. É esta situação que despoleta em Grace um regresso ao passado.

Grace faz-nos viajar através de uma narrativa suave que intercala episódios do seu presente com memórias do passado, sendo que estas alternâncias entre presente e passado são feitas de forma fluída, não causando qualquer confusão no leitor.

Somos remetidos para uma Inglaterra destroçada pela primeira grande guerra e conhecemos personagens cativantes e viajamos através de descrições da época deliciosas. Conhecemos uma Hannah cheia de sonhos e determinada enquanto adolescente e uma irmã mais recatada - Emmeline. E vêmo-las crescer e tornarem-se pessoas diferentes, com vivências distintas.

E permanecemos na leitura sempre com aquela ideia da morte do poeta em mente. As irmãs Hannah e Emmeline Hartford foram as únicas testemunhas do que verdadeiramente aconteceu e nunca falaram do sucedido.

Ao aproximarmo-nos do final Grace revive o passado e conta-nos finalmente toda a verdade por detrás deste mistério.

A autora Kate Morton conquistou-me pela sua escrita, pelas personagens tocantes e verdadeiras, pelo retrato de época que faz de forma fantástica e pelo desfecho surpreendente.

Deixo-vos aqui uma citação que faz uma síntese interessante desta história:

"Uma estrela ascendente da cena poética inglesa suicida-se à beira de um lago sombrio na noite de uma grande festa social. As únicas testemunhas são duas belas irmãs que nunca mais se falam. Uma é a sua noite, a outra dizem ser sua amante. É terrívelmente romântico." (perspectiva da jovem realizadora Ursula que pretende fazer o filme sobre a morte do poeta).

E para saberem mais terão de ler este livro emocionante e misterioso.

CLASSIFICAÇÃO: 6. Excelente!




7 comentários:

Paula disse...

Tenho este livrinho para ler :D

Diana Barbosa disse...

Então toca a lê-lo Paula :)

Denise disse...

Mais uma opinião que me deixou com vontade de agarrar o livrinho! :)

Olha, quando puderes, passa no meu blog e espreita a minha opinião do livro do Nicholas Sparks!
Graças a ti e a outras meninas que tenho acompanhado no facebook, decidi começar a esforçar-me por escrever opiniões mais elaboradas dos livros que leio! Continuo a achar que não tenho muito jeito, mas não custa tentar! :)

E já vais no 5º livro este ano!! Eu vou começar o segundo, eheh! Mas com tese e estágio não é fácil poder ler muito! Tenho lido só uns bocadinhos à noite e nas viagens de comboio! :)

bjinho

Angela ;) disse...

outro que tambem desejo ler :)

Diana Barbosa disse...

angela lê que vale a pena :)

Denise gostei mto da tua opinião sobre o último livro do Nicholas Sparks :) está bem escrita.

E só vou na 5ª leitura do ano pq tenho mto tempo livre para ler.

beijinhos meninas

Catarina disse...

esse livro é lindo <3

Diana Barbosa disse...

Sem dúvida Catarina :)